Cotidiano Coronavoucher

Veja como solicitar o auxílio emergencial de R$ 600

Benefício será pago a trabalhadores informais, MEIs, autônomos e desempregados que cumpram requisito de renda média. Valor pode chegar a R$ 1.200 para mães solteiras

08/04/2020 14h52 Atualizada há 6 meses
Por: Pedra Pequena
O aplicativo Auxílio Emergencial | Leonardo Sá/Agência Senado
O aplicativo Auxílio Emergencial | Leonardo Sá/Agência Senado

O governo federal liberou nesta terça-feira (7) o site e aplicativo que poderão ser usados para que trabalhadores informais se cadastrem para pedirem o auxílio emergencial de R$ 600 - ou R$ 1.200 para mães solteiras -, conhecido como "coronavoucher". Veja os requisitos e como solicitar.

O benefício é destinado aos trabalhadores informais, MEIs (Microempreendedores Individuais), autônomos e desempregados, com objetivo de fornecer, por até três meses, proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pelo coronavírus (Covid-19).

Aqueles que já recebem o Bolsa Família ou que estão inscritos no CadÚnico (Cadastro Único) não precisam se inscrever pelo aplicativo ou site, pois o pagamento será feito automaticamente. Para saber se você já é inscrito no CadÚnico, clique aqui.

Como solicitar o benefício

1. Acesse o site ou baixe o aplicativo (Android ou iOS);

2. Clique em "Realize sua solicitação";

3. Leia os requisitos e confirme ciência das condições;

4. Informe os dados pessoais, como nome completo, CPF, data de nascimento e nome da mãe;

5. O sistema analisará as informações para decidir se há ou não o direito;

6. Se o trabalhador estiver inscrito no CadÚnico, o pagamento será feito a partir do dia 14 deste mês e o sistema não pedirá novos dados;

7. Se não tiver inscrição, o sistema pedirá informações complementares, como número de celular, renda, atividade profissional, estado e cidade;

8. Além disso, o trabalhador deverá informar a quantidade de membros da família, inserindo seus respectivos nomes, CPFs e datas de nascimento;

9. Uma conta bancária no nome do trabalhador deverá ser informada para recebimento do benefício. Caso não possua, poderá abrir uma poupança digital gratuitamente diretamente no sistema para o recebimento;

10. Ao final do cadastro, o trabalhador é informado que seu pedido de auxílio emergencial foi recebido e que em até cinco dias úteis deverá consultar no site ou no aplicativo o resultado da solicitação;

11. Se o trabalhador tiver conta na Caixa ou no Banco do Brasil, já poderá receber nesta quinta-feira (9). Se não, a liberação será feita a partir do dia 14 deste mês;

12. Caso não consiga fazer o cadastro online, o trabalhador pode procurar uma agência da Caixa.

Requisitos para recebimento

· Ter 18 anos de idade ou mais;

· Ter renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa (R$ 522,50) ou ter renda mensal até três salários mínimos (R$ 3.135) por família;

· Não ter sido obrigado a declarar Imposto de Renda em 2018 (ter recebido até R$ 28.559,70 em rendimentos tributáveis em 2018).

Na renda familiar, serão considerados todos os rendimentos obtidos por todos os membros que moram na mesma residência, exceto o dinheiro do Bolsa Família.

Como funciona

· Até duas pessoas da mesma família podem receber o benefício, sendo a renda emergencial permitida de R$ 1.200 por família. Mulheres que são mães e chefes de família podem ter cota de R$ 1.200;

· Quem recebe Bolsa Família ficará, por três meses, com o auxílio, se o valor for maior;

· O auxílio não vale para trabalhadores com carteira assinada ou funcionários públicos.

Cronograma de pagamentos

Primeira parcela

· Quem está no Cadastro Único, não recebe Bolsa Família e têm conta no Banco do Brasil ou poupança na Caixa Econômica Federal recebe a primeira parcela nesta quinta-feira (9);

· Quem está no Cadastro Único, não recebe Bolsa Família e não têm conta nesses bancos, receberá na próxima terça-feira (14);

· Quem não está no Cadastro Único, receberá em 5 cinco dias úteis após inscrição no programa de auxílio emergencial;

· Quem recebe Bolsa Família, receberá nos últimos 10 dias úteis de abril, seguindo o calendário regular do programa.

Segunda parcela

· Quem está no Cadastro Único, não recebe Bolsa Família, além dos trabalhadores informais inscritos no programa de auxílio emergencial, receberá entre 27 e 30 deste mês, de acordo com a data de nascimento.

· Janeiro, fevereiro e março: 27 de abril

· Abril, maio e junho: 28 de abril

· Julho, agosto e setembro: 29 de abril

· Outubro, novembro e dezembro: 30 de abril

· Quem recebe Bolsa Família receberá nos últimos 10 dias úteis de maio, seguindo o calendário regular do programa.

Terceira parcela

·Quem está no Cadastro Único, não recebe Bolsa Família, além dos trabalhadores informais inscritos no programa de auxílio emergencial, receberá entre 26 e 29 de maio, de acordo com a data de nascimento.

· Janeiro, fevereiro e março: 26 de maio

· Abril, maio e junho: 27 de maio

· Julho, agosto e setembro: 28 de maio

· Outubro, novembro e dezembro: 29 de maio

· Quem recebe Bolsa Família, receberá nos últimos 10 dias úteis de junho, seguindo o calendário regular do programa.

Informações adicionais

· O aplicativo poderá ser baixado mesmo se o trabalhador não tiver créditos no celular;

· O benefício não será suspenso se o trabalhador for contratado no regime CLT ou se a renda familiar ultrapassar o limite durante o período de pagamento;

· Os bancos não poderão usar o valor para cobrir saldo negativo na conta. 

Dúvidas

Quem tiver dúvidas poderá obter mais informações no site auxilio.caixa.gov.br ou nos telefones 111 (Central de Atendimento Caixa) e 121 (Central de Atendimento do Ministério da Cidadania). Não será possível se inscrever pelo telefone, apenas tirar dúvidas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
São Paulo - SP
Atualizado às 00h40 - Fonte: Climatempo
18°
Nevoa úmida

Mín. 19° Máx. 27°

18° Sensação
14.7 km/h Vento
100% Umidade do ar
90% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (21/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 26°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Quinta (22/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 24°

Sol com muitas nuvens e chuva
Mais lidas
Ele1 - Criar site de notícias